Preços Atualizados

Atenção usuarios do site da ABLC, notificamos que alguns produtos da loja Redondilha na feira de São Cristovão e da ABLC sofreram aumento de preço, por gentileza, se houver dúvidas entrem em contato conosco através do email ou telefones disponíveis.


5 COMENTÁRIOS

  1. Gessenilde Almeida Nascimento - 23/05/2018 23:43

    gostaria de comprar alguns exemplares de literatura de cordel. Como faço para adquiri-los?

    Responder
  2. JOSAFÁ PAULINO DE LIMA - 29/07/2018 10:50

    CAROS, BOM DIA!

    GOSTARIA DE DOAR ALGUMAS XILOGRAVURAS MINHAS PARA O ACERVO DESTA IMPORTANTE ACADEMIA BRASILEIRA E TAMBÉM GOSTARIA DE RECEBER CATÁLOGO GERAL DE TODAS AS OBRAS EM CORDEL DA ACADEMIA BEM O PREÇO DOS MESMOS.

    FICO NO AGUARDO
    ABS
    JOSAFÁ DE ORÓS

    O MEU TELEFONE DE CONTATO É: (83) 993130959

    Responder
    • Administrador ABLC - 30/08/2018 23:07

      Prezado Josafá de Orós, em breve entraremos em contato por telefone. Obrigado

      Responder
  3. Cleber Ciferi - 11/11/2018 01:05

    Bom dia!!!
    Apesar de ser leigo, aprecio esse tesouro cultural que é a literatura de cordel!!!

    Parabéns pelo trabalho grandioso!!!

    Responder
  4. Carlos Silva - 30/09/2019 17:11

    OS ERROS DO MEU PASSADO FAZ-ME SOFRER NO PRESENTE.

    Eu tenho andado no mundo
    Em cada passo seguido
    Sinto-me tão confundido
    Por minuto e segundo
    É um pensar tão profundo
    Que balança minha mente
    Chego pensar diferente
    Sofrendo pra todo lado
    Os erros do meu passado
    Faz-me sofrer no presente

    Choro e também reclamo
    Cada instante vivido
    Já me sinto tão perdido
    Em Nome do Pai eu chamo
    Minha prece eu derramo
    Com um desejo fervente
    Meu juízo fica quente
    Chega ferve um bocado
    Os erros do meu passado
    Faz-me sofrer no presente

    Eu me julgava tão feliz
    Não escutava conselho
    Mas ao olhar no espelho
    Vi o que comigo eu fiz
    Os meus pensamentos vis
    Magoaram minha gente
    Fui egoísta somente
    Focando só pro meu lado
    Os erros do meu passado
    Faz-me sofrer no presente

    Nas ruas por onde ando
    Eu sinto minha solidão
    Pesa no meu coração
    Assim sigo me culpando
    Acho que estou pagando
    O meu penar resurgente
    Que bota na minha mente
    Por tudo eu sou culpado
    Os erros do meu passado
    Faz-me sofrer no presente

    Choro feito a criança
    Que perdeu seu bom brinquedo
    Por vezes eu sinto medo
    Mas guardo essa lembrança
    Meu sofrer assim avança
    E me vem constantemente
    Bagunçar a minha mente
    Pra pagar o meu pecado
    Os erros do meu passado
    Faz-me sofrer no presente

    Eu fui muito egoísta
    Pra mim mesmo só reparei
    Falei tanto não escutei
    Expus meu ponto de vista
    Acho que fui vigarista
    E também inconsequente
    Só pensei em mim somente
    Sem ver meu irmão do lado
    Os erros do meu passado
    Faz-me sofrer no presente

    Mereço todo castigo
    O que vier é tão pouco
    To quase ficando louco
    Nem dormir eu não consigo
    Sei que isso é perigo
    Pra enfraquecer a mente
    E quem sabe de repente
    Eu fique abilolado
    Os erros do meu passado
    Faz-me sofrer no presente

    Pago caro a escolha
    Eu só pensei em mim mesmo
    Seguindo sempre a esmo
    Jogado que nem a folha
    Ao vento feito a bolha
    Leve sobe que nem sente
    Nesse sofrer minha gente
    De tudo eu sou culpado
    Os erros do meu passado
    Faz-me sofrer no presente

    Ao irmão neguei ajuda
    Fiz tudo naquela hora
    Para mantê-lo de fora
    Mas tudo na vida muda
    Hoje meu remorso gruda
    Sei que eu fui a serpente
    Que enganei minha gente
    Mereço ser condenado
    Os erros do meu passado
    Faz-me sofrer no presente

    Hoje quero um carinho
    Um afeto ou atenção
    Estou implorando perdão
    Pra ter paz no meu caminho
    Eu pensava que sozinho
    Seguisse firme pra frente
    Eu errei redondamente
    Não mereço nem agrado
    Os erros do meu passado
    Faz-me sofrer no presente

    Tendo oportunidade
    Só me resta então pedir
    Porque eu sei que ao partir
    Não lhes deixarei saudade
    A paga dessa maldade
    Traz a mim sofrer somente
    Chega queimar minha mente
    Aceito ser castigado
    Os erros do meu passado
    Faz-me sofrer no presente

    Vou vivendo minha vida
    Vou tentando me levantar
    Eu chegarei nalgum lugar
    Nem que seja na partida
    Com esta alma sofrida
    Em que fui inconsequente
    Onde verdadeiramente
    Não deixo nenhum legado
    Os erros do meu passado
    Faz-me sofrer no presente

    As pessoas egoÍstas
    Não tem um futuro certo
    Nem o coração aberto
    Crescem sendo pessimistas
    Não gostam dos otimistas
    Engana fere e mente
    Agindo covardemente
    Não tem a paz do seu lado
    SE ERRARAM NO PASSADO
    SOFREM AQUI NO PRESENTE

    CARLOS SILVA POETA CANTADOR
    CIDADE: Cipó
    Estado BA

    Responder

Deixe seu comentário