A Vinda da Besta-Fera

Mais Cordéis

A Vinda da Besta-Fera

José Costa Leite

Leitores prestem atenção
que o tempo está carrancudo
a guerra arrocha dum lado
e a fome acaba com tudo
chora filho e chora pai
do jeito que o tempo vai
chora até quem é chifrudo

A carestia danou-se
e o povo se desespera
pra falar mesmo a verdade
estamos no fim da era
a coisa vai piorando
já está se aproximando
a vinda da Besta-Fera

A besta-fera falada
que o padre Cícero dizia
brevemente vai chegar
pra cumprir-se a profecia
aí vai se ver clamores
horrores e mais horrores
toda hora e todo dia

Talvez até que’la chegue
daqui para o fim do mês
pois não tem dia nem hora
o padre disse uma vez
que ela é o maldito
e na testa traz escrito
666

O inferno pegou fogo
o satanás revoltou-se
breve vem o anti-cristo
agora tudo danou-se
a coisa está apertando
de mais a mais piorando
e a besta-fera soltou-se

O tempo está ruim
de ninguém não suportar
e de agora por diante
inda mais vai piorar
vou dizer pela metade
se eu contar toda verdade
muita gente vai chorar

A besta-fera está solta
e vem fazer confusão
vamos pedir o auxílio
do padre Cícero Romão
que a ladeira de oitenta
vai ser pesada e cruenta
afirmou frei Damião

A besta vai perseguir
moça de cabeça tonta
e mulher que é galheira
a besta nela se monta
para tirar seu cartaz
pois ela gosta demais
de mulher que bota ponta

Quem gosta de safadeza
jogo, cachaça e forró
sedução e dona boa
anarquia e catimbó
as moças da corrução
vão se viver em aflição
com a besta no mocotó

Mocinha quente anarquista
que namora no escuro
a mulher casada que tem
encontro por trás do muro
no abismo tudo cai
e a besta-fera vai
desmantelar seu futuro

A besta vem agarrar
moça enxerida e vadia
que vive usando bermuda
envolvida na folia
cabra que é xifrudo
de medo vai ficar mudo
com a besta em companhia

Rapaz de cabelo grande
moça que dança forró
sujeito que é chifrudo
e vive no catimbó
nega que passa por moça
a besta lhe pega à força
e morde mesmo no pitó

A mulher que bota ponta
a besta dar-lhe um repuxo
mordendo e dando patadas
pra ela deixar de luxo
depois dela machucada
a besta manifestada
morde bem no pé do bucho

A besta vai perseguir
moça que raspa o suvaco
seja lá bonita ou feia
com ela é taco por taco
quando a besta pegar ela
morde no suvaco dela
fica somente o buraco

Moça que usa o vestido
mostrando as coxas de fora
com a saia bem ligada
que fica tora não tora
quando a besta ver ela
dar tanta dentada nela
que ela se apavora

A mulher do cabaré
do vestido escandaloso
com o biquine de fora
de um modo injurioso
chora que se desespera
nos dentes da besta-fera
nunca mais vai ter repouso

A besta gosta do cabra
que tem o chifre comprido
e vive no cabaré
dançando com remexido
ela lhe aperta na hora
que a ponta dele tora
mesmo no pé do ouvido

Ela vai perseguir ladrão
assassino e desordeiro
sedutor e enxerido
malandro e catimbozeiro
mocinha mansa e contente
chifrudo e viúva quente
jogador e cachaceiro

Mas pra falar a verdade
só gosta mais de chifrudo
a besta é arriada
pelo sujeito pontudo
dar nele que deixa mole
e quando se zanga engole
a cabra com chifre e tudo

A besta-fera está solta
e vai ser grande o pagode
cabra vai se ver com ela
pegado pelo bigode
dar-lhe um surrote danado
e deixa ele castrado
pisotando igual um bode

A besta-fera vem aí
como um lobo carniceiro
cuidado, muito cuidado
ela vem com desespero
com dois fervendo e um quente
ela vai meter o dente
no que encontrar primeiro

O padre Cícero Romão
disse que no fim da era
a besta-fera chegava
todo dia se espera
ninguém vai se defender
muita gente vai morrer
nas unhas da besta-fera

A besta vai perseguir
quem gosta de cabaré
e passa a semana toda
dentro do arrasta-pé
se a besta pegar ele
até o sapato dele
fica trocado no pé

Moça que gosta de farra
para dizer que é bamba
dança forró e xangô
e quando vai para o samba
já tem alguém de espera
cuidado na besta-fera
que ela lhe esculhamba

Rapaz que pinta as unhas
e usa farta cabeleira
de calça boca de sino
bem ligada na traseira
se encontrar na estrada
a besta fera falada
vai ser sua derradeira

Viúva namoradeira
chifruda de ponta grossa
moça de saia bem curta
que só quer viver na bossa
cuidado, muito cuidado
porque o tempo é chegado
do povo cair na fossa

Vê-se mocinha na praia
com um maiô resumido
deitada no beira-mar
de corpo quase despido
se a besta-fera com efeito
pegar ela mesmo a jeito
vai ser grande o remexido

Santo Deus Pai Poderoso
mandai vossa proteção
para o povo pecador
não sofrer tanta aflição
confio em Deus Verdadeiro
no padre do Juazeiro
e também no frei Damião

A Santa Virgem Maria
com o seu Divino Manto
é quem nos dá proteção
eu digo, provo e garanto
Nossa Senhora das Dores
aliviai os clamores
do povo que sofre tanto…

Vamos pedir proteção
a Deus Todo Poderoso
para ele nos livrar
do drama calamitoso
vamos rezar com mais fé
pra Jesus, Maria e José
que o tempo está perigoso

Vamos pedir a Jesus
e ao Padre Cícero Romão
São Francisco do Canindé
para nos dar proteção
Nossa Senhora das Dores
defendei os pecadores
junto com o Frei Damião

Portanto caros leitores
estamos no fim da era
do jeito que o povo vai
bom tempo não se espera
todos rezem esta oração
com toda dedicação
e cuidado na besta-fera.